Polícia Federal: divulgação do edital pode ser agilizada

Boa notícia para quem deseja ingressar em carreiras públicas policiais. Os interessados no concurso público da Polícia Federal devem ficar atentos, pois a corporação está agilizando os procedimentos para liberação do novo concurso. A expectativa é que sejam liberadas 1.758 vagas, sendo 600 de Escrivão, 600 de Agente, 491 de Delegado e 67 de Perito.

A liberação do certame depende do parecer do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão – MPOG, com relação a disposição de verbas para a posse dos aprovados.

As vagas de Agente e Escrivão exigem nível superior completo em qualquer área de atuação. A vaga de Perito exige nível superior em áreas específicas, já o cargo de Delegado requer nível superior em Direito.

A remuneração base para os cargos de Agente e Escrivão pode chegar a R$ 12 mil; enquanto os Delegados e Peritos recebem salário base de R$ 22 mil.

O processo de seleção dos últimos concursos contaram com provas objetivas, provas discursivas, testes de aptidão física, exames médicos, avaliações de títulos, avaliação psicológica e curso de formação profissional; além de prova prática de digitação para os inscritos ao cargo de Escrivão e prova oral para os candidatos ao cargo de Delegado.

A aplicação das provas acontece normalmente em todas as capitais brasileiras, sendo o certame normalmente organizado pela Cespe/UnB.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *